A Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal anunciou esta sexta-feira a detenção de quatro pessoas e o desmantelamento de uma rede internacional que abastecia de produto estupefaciente vários concelhos da margem sul.

Na operação, intitulada "Operação Vaivém", a PJ efetuou três dezenas de buscas, domiciliárias e não domiciliárias, entre várias outras diligências, tendo sido apreendidos cerca de quarenta e cinco quilos de droga.

"Foram ainda apreendidas seis viaturas, um motociclo, cerca de 13 mil euros em dinheiro, computadores e telemóveis, bem como diversos objetos e utensílios suscetíveis de servir a prática do crime", refere a PJ em comunicado.

A PJ deteve três homens e uma mulher, com idades entre os 26 e os 49 anos, que foram presentes às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório judicial, por suspeita dos crimes de tráfico de estupefacientes agravado e associação criminosa.

"A um dos detidos foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva, dois ficaram sujeitos a obrigação de permanência na habitação e outro, a apresentações periódicas no posto policial mais próximo da sua residência, para além da proibição de contactos", acrescenta o documento.

A PJ anunciou ainda que foram constituídos mais dois arguidos no processo.