Alguns dos pais cujos filhos foram vítimas da rede ilegal de adoções da IURD, denunciada pela TVI na série informativa “O Segredo dos Deuses”, foram recebidos esta sexta-feira pelo Presidente da República.

A audiência no Palácio de Belém durou cerca de uma hora.

Segundo o pai de uma das crianças adotadas por bispos da IURD, Marcelo Rebelo de Sousa prometeu contactar a Segurança Social e a Santa Casa da Misericórdia, para procurar explicações.

Ricardo Campos contou à TVI que "o Presidente ainda não tinha total conhecimento da situação" e que "ficou surpreendido com algumas declarações" dos pais.

"Disse que ia tentar ajudar-nos a resolver as coisas o mais rapidamente possível."

Também a mãe das três crianças adoptadas ilegalmente disse à TVI que foi feito um apelo ao Presidente da República para que usasse a sua influência para que possam ter respostas sobre os processos em investigação.

À noite, numa emissão especial sobre o caso na TVI24, "Maria", o nome fictício como é identificada a mãe das três crianças, mostrou-se algo desalentada com o encontro em Belém, dada uma eventual desvalorização da reunião.

Quando eu estou com o Presidente da República, sensivelmente meia hora ou mais, (...) virem-me dizer que não fui recebida, porque foi uma conversa informal", lamentou a mãe, acrescentando que Marcelo Rebelo de Sousa, à sua frente e de outros pais, "delegou à sua assessora que entrasse em contato com a Segurança Social e a Santa Casa".

Saímos de lá com a promessa que ele iria empenhar-se em descobrir qual a celeridade do processo e afinal de contas estou incrédula: se não estive com o senhor Presidente da República, estive com um clone que o representa muito bem", afirmou a mãe.

Audiência pedida em dezembro

O pedido de audiência tinha sido feito a 19 de dezembro, por um pai e duas mães, segundo apurou a TVI na altura.

Confrontado com tal pedido, no dia de Natal, Marcelo Rebelo de Sousa disse aos jornalistas que estava a receber uma notícia.

No entanto, na altura, o Presidente não se inibiu de fazer um breve comentário ao inquérito já aberto pelo Ministério Público.

“Se o Ministério Público entende que se deve investigar o que se passou para saber se o Estado teve ou não responsabilidade, eu acho que o Estado está a cumprir a sua missão.”

Na série informativa "O Segredo dos Deuses", a TVI revelou vários casos de crianças que passaram por um lar da IURD em Camarante antes de serem adotadas por bispos e pastores, em processos com várias irregularidades.

Estes pais nunca foram ouvidos pela justiça portuguesa.

Para rever todos os episódios de "O Segredo dos Deuses", clique AQUI