Uma mulher morreu esta terça-feira na praia do Algodio, na Ericeira (Mafra), depois de ter sido surpreendida pela forte ondulação, tendo ainda havido manobras de reanimação após o seu resgate, disse à Lusa o capitão do Porto de Cascais.

Um casal estava a passear no areal da praia a aproveitar o sol, e a mulher, de 64 anos, que se encontrava de canadianas, foi apanhada pela forte ondulação, enquanto o homem conseguiu fugir”, explicou Rui Pereira da Terra.

Pelas 16:00, moradores e populares deram o alerta de socorro para as autoridades.

Face ao estado do mar, a mota de água da estação salva-vidas da Ericeira “não conseguiu sair” a tempo útil e a mulher esteve 20 minutos no mar.

Quando foi resgatada, a vítima estava em paragem cardiorrespiratória, tendo sido submetida a manobras de reanimação, em sucesso.

O corpo foi transportado para o Instituto de Medicina Legal de Torres Vedras.

No local, no distrito de Lisboa, estiveram meios dos bombeiros e da estação salva-vidas da Ericeira, da Polícia Marítima e uma viatura médica de emergência e reanimação.