O protesto da CGTP no Porto, que integra a travessia a pé da Ponte do Infante, vai causar cortes e condicionamentos no trânsito, entre as 13:15 e as 18:00 de sábado, no Porto e em Vila Nova de Gaia.

Manif na ponte: avisos da polícia aos automobilistas lisboetas

Segundo a PSP, em Vila Nova de Gaia, o trânsito vai estar cortado, entre as 13:15 e 16:00, na rotunda Gil Eanes com a avenida D. João II, e na rotunda da Serra do Pilar, além de não circularem carros na Ponte do Infante.

No Porto, os condicionamentos vão ocorrer entre as 14:30 e as 18:00, estando cortadas ao trânsito a rua Infante com rua Mouzinho da Silveira, a avenida Rodrigues de Freitas com a rua D. João V, a praça dos Poveiro com a Passos Manuel e com a rua do Campinho, e a rua de São Filipe Neri com a rua das Carmelitas, impedindo o acesso à avenida dos Aliados.

Também vão estar cortadas ao trânsito a rua dos Clérigos com ruado Almada (o que impede acesso à avenida dos Aliados), a rua Club dos Fenianos com a Ricardo Jorge (o que também impede acesso aos Aliados), a rua Sá da Bandeira com a rua Formosa, no sentido descendente.

Toda a zona da Batalha, a D. João I, a avenida dos Aliados e a praça da Liberdade ficam sem circulação automóvel, exceto viaturas em missão urgente de socorro.

A Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional (CGTP) marcou para sábado uma jornada nacional de luta contra a exploração e o empobrecimento, que inclui manifestações no Porto e em Lisboa.

O protesto no Porto integra a travessia a pé da ponte do Infante e, em Lisboa, previa a travessia da ponte 25 de Abril.