O Ministério da Administração Interna garantiu, esta sexta-feira, que o orçamento da PSP para este ano tem mais verba do que em 2015. 

“A PSP tem no seu orçamento, para gerir ao longo do ano, cerca de 13 milhões de euros a mais do que teve em 2015 para a aquisição de bens e serviços, de veículos, equipamentos. É nestas rubricas que se insere o montante para combustíveis”

O esclarecimento do Ministério da Administração Interna surge depois de o Correio da Manhã noticiar que a PSP vai ter um corte de 50% na verba que receber do Estado para gastar em combustível.

Segundo o MAI, o orçamento da PSP para 2016 é de 734,8 milhões de euros, representa um aumento de 21,458 milhões de euros em relação à dotação orçamental de 2015 (mais 3%).

O reforço do orçamento em cerca de 13 milhões de euros para as rubricas de aquisição de bens e serviços, veículos, equipamentos e combustível, “permite à PSP encarar com tranquilidade a execução orçamental de 2016", segundo a tutela.

É referido, ainda, que a PSP tem feito, ao longo dos anos, “uma gestão flexível do seu orçamento, acomodando, em cada ano, as necessidades reais da sua execução orçamental, pelo que é puramente especulativo considerar que a operacionalidade das viaturas está em causa”.