«Encontros Mágicos» é um projeto apoiado pela Câmara Municipal de Coimbra e que se realiza entre esta terça-feira a domingo.

Organizada por Luís de Matos a iniciativa é vista como uma oportunidade de evasão à depressão que domina o país.

Inseridos no 16.º Festival Internacional de Magia de Coimbra, estes encontros vão contar com a participação de três dos galardoados do último campeonato do mundo de magia.

Entre os participantes encontra-se o par belga «Doble Mandoble», que se sagrou campeão de magia cómica na competição realizada recentemente em Blackpool, Reino Unido. Outros dos galardoados mundiais presentes em Coimbra são o coreano Kim Hyun Joon e o duo português «Tá Na Manga».

No total serão 11 mágicos de seis países, que vão realizar 50 espetáculos de rua, duas galas internacionais e várias sessões especiais para as crianças internadas no Hospital Pediátrico de Coimbra e para os reclusos do Estabelecimento Prisional.

Luís de Matos afirmou que esta iniciativa vem "confirmar a qualidade da magia que se faz em Portugal¿. Em simultâneo pretende-se «trazer os melhores mágicos do mundo para fazerem a melhor semana possível com os espetadores que estão disponíveis», afirmou à agência Lusa.

Apesar do corte de 30 mil euros no orçamento disponível para o evento, o famoso ilusionista sublinha que o sucesso passa por uma boa gestão criativa do pouco dinheiro que resta.

De acordo com Luís de Matos, estes «Encontros Mágicos» são das poucas oportunidades para «experimentar um estado de abstração de uma realidade que não é tão agradável quanto isso», a crise em Portugal.

Uma proposta gratuita que promete fazer esquecer a crise, mesmo que por instantes, através de alguns truques de magia.