A Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve, ontem, dia 16 agosto, um casal, por suspeitas do crime de burla qualificada, em Loulé, informou em comunicado.

Os detidos, um militar da GNR e a sua companheira, ao longo dos últimos meses, "tinham vindo a apropriar-se de quantias monetárias de um idoso de 87 anos, aproveitando a relação de confiança estabelecida e a ausência de familiares próximos da vítima".

As detenções ocorreram na sequência de uma investigação iniciada e conduzida pela GNR, através do comando territorial de Faro, e coordenada pela secção de Loulé do Departamento de Investigação e Ação Penal de Faro.

Os detidos irão ser presentes hoje ao tribunal de Loulé.

Relativamente ao militar envolvido, além do processo criminal, será ainda aberto o competente procedimento disciplinar.