Um incêndio destruiu esta sexta-feira as águas furtadas de um edifício de três pisos, na Rua do Meio à Lapa, em Lisboa, causando uma vítima por inalação de fumo, disse à agência Lusa fonte do Regimento de Sapadores de Bombeiros.

Segundo a fonte dos bombeiros, as águas furtadas do número 87 da Rua do Meio à Lapa arderam por completo, embora o incêndio não tenha causado danos nas outras frações, nomeadamente no rés-do-chão e no primeiro andar, que foram evacuados por precaução.

O homem vítima da inalação de fumo, habitante na fração atingida, foi assistido no local.

O alarme foi dado cerca das 07:30 e o fogo foi dado como extinto às 08:05.

No local estiveram 20 homens do Regimento de Sapadores de Bombeiros de Lisboa, apoiados pelos Voluntários de Campo de Ourique.