A Linha de Saúde 24 está a receber cerca de 130 pedidos de informação de doentes sobre a legionella por dia, com dúvidas sobre esta bactéria.

Em declarações à Lusa, o coordenador da linha de saúde na Direção Geral de Saúde, Sérgio Gomes, disse que «desde anteontem [sexta-feira], recebemos na casa das 130 chamadas por dia para efeitos de informação sobre a legionella».

Este domingo, até à hora de almoço, acrescentou o responsável, a linha de saúde já recebeu cerca de 90 chamadas com mais pedidos de informação, não só das pessoas da área de Vila Franca de Xira, mas também «de casos esporádicos, como um telefonema recebido de Guimarães a perguntar se podia ir à piscina».

Segundo Sérgio Gomes, a equipa de enfermeiros que atende as chamadas na linha de saúde não foi reforçada: «A triagem mantém-se igual, o que aumentámos foi as informações de saúde pública».

Esta linha de saúde recebe cerca de 2 mil telefonemas por dia, não tendo registo de qualquer telefonema sobre a legionella até à última quinta-feira, um dia antes do início do surto na zona de Vila Franca de Xira.