A jovem de 17 anos com sarampo internada nos cuidados intensivos do hospital Dona Estefânia, em Lisboa, encontra-se ventilada, sob sedação e o seu estado clínico é instável.

“O Centro Hospitalar de Lisboa Central, EPE (CHLC) informa que uma jovem de 17 anos se encontra internada na Unidade de Cuidados Intensivos Pediátricos do CHLC - Hospital Dona Estefânia na sequência de uma pneumonia bilateral - complicação respiratória do sarampo”, refere uma nota do centro hospitalar enviada à agência Lusa.

O hospital recorda que não é prática habitual emitir informação clínica pública sobre doentes internados e que só o faz agora, após autorização da família da doente, a título excecional. Só serão emitidas atualizações se o estado clínico da doente o justificar.

Veja também:

O número de casos de sarampo confirmados em Portugal subiu para 21 e há vários doentes sob investigação, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). O diretor-geral, Francisco George, admitiu já que a hipótese de baixar a idade da primeira vacina está a ser estudada.

Desde janeiro, Portugal já registou mais casos de sarampo do que em dez anos. Entre 2006 e 2014 foram registados 19 casos. A doença estava erradicada em Portugal desde o ano passado. 

O surto de sarampo tem afetado desde o início do ano vários países europeus.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa, geralmente benigna mas que pode desencadear complicações e até ser fatal. Pode ser prevenida pela vacinação, que em Portugal é gratuita.