Nenhuma pessoa morreu no último dia de 2013 nas estradas patrulhadas pela Guarda Nacional Republicana (GNR), apesar de se terem registado 202 acidentes.



O balanço provisório disponível na página oficial da GNR na Internet revela que, entre as 00:00 e as 24:00 de terça-feira, houve 202 acidentes, dos quais resultaram dois feridos graves e 42 feridos leves.



Fonte oficial da GNR adiantou à agência Lusa que das 00:00 desta quarta-feira até às 16:30 estavam contabilizados 47 acidentes, com um ferido grave, 22 feridos leves e sem mortos registados.



A GNR iniciou às 00:00 de terça-feira a segunda fase da Operação Natal/Ano Novo, que decorre até às 24:00 desta quarta-feira, depois de no período de natal 11 pessoas terem morrido nas estradas portuguesas.