Paulo Ferreira demitiu-se do cargo de diretor de informação da RTP. A demissão foi aceite e oficializada nesta sexta-feira no Telejornal.

A administração da RTP adianta, em comunicado, que convidou José Manuel Portugal para assumir as funções, ele que até aqui desempenhava as funções de diretor adjunto dos serviços internacionais.

A estação pública anuncia também que convidou Paulo Ferreira para assumir o cargo de gestor de inovação na área da informação, o que foi aceite pelo até agora diretor de informação, que irá agora concretizar «projetos estruturantes que se avizinham» em virtude do Plano de Desenvolvimento e Redimensionamento da RTP.

Paulo Ferreira, que assumiu a direção de informação há cerca de um ano, após a saída de Nuno Santos, diz que abandona o cargo devido a uma «decisão pessoal».

«A minha saída destas funções resulta de uma decisão pessoal, sustentada na leitura que faço sobre o que melhor defende os interesses gerais da RTP e, em particular, os da fundamental área da informação», escreve Paulo Ferreira numa carta enviada ao presidente do conselho de administração da RTP, Alberto da Ponte, e a que a agência Lusa teve acesso.