Uma mulher de 57 anos morreu este domingo depois de ser «apanhada» pelas ondas, numa zona de rochas, na costa norte de Sines. A mulher caiu ao mara quando se dedicava à recolha de lapas.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal explicou à Lusa que a mulher, que se encontrava à beira-mar numa zona rochosa, «caiu à água e foi levada pelas ondas».

O comandante da Polícia Marítima e capitão do porto de Sines, José António Gouveia, adiantou à Lusa que o cadáver foi recolhido e transportado para a morgue do Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém.

O alerta foi dado cerca das 11:00 e as operações de socorro mobilizaram os Bombeiros de Sines e a Polícia Marítima.