O ex-jornalista do Diário Ilustrado, do jornal O Século e da ANOP - Agência Noticiosa Portuguesa, José Roby Amorim morreu este sábado, disse à Lusa fonte familiar.

José Roby Amorim nasceu a 17 de março de 1927 em Braga, tinha 86 anos, e é pai do também ex-jornalista Nuno Roby Amorim e da falecida atriz Teresa Roby.

O antigo jornalista começou a trabalhar no Correio do Minho, teve uma passagem por Angola entre 1962 e 1964, onde trabalhou no ABC, e onde terá estado preso e sido expulso por questões políticas, segundo Rui Cabral, antigo jornalista e colega de Nuno Roby Amorim.

Nuno Roby Amorim trabalhou ainda no jornal O Século, onde foi chefe de reportagem e por poucos dias diretor, e foi posteriormente membro fundador da ANOP, e é autor dos livros «Elucidário de Conhecimentos Quase Inúteis» e «Dar Mão à Boca. Uma Historia da Alimentação em Portugal».

O corpo estará no domingo entre as 15:00 e as 19:00 na capela da Nossa Senhora dos Remédios, em Alfama.