Cerca de metade dos rios e outros cursos de água da Europa continental está ameaçada por poluentes químicos, como pesticidas e outras substâncias industriais, revelou um estudo publicado nos EUA na segunda-feira.

Esta investigação baseou-se na análise de dados dos serviços governamentais de acompanhamento das linhas de água, provenientes de quatro mil locais na União Europeia, adiantaram os investigadores, cujo trabalho foi divulgado nos Anais da Academia Norte-americana de Ciências (PNAS, na sigla em Inglês).

Sublinharam também que os riscos reais estão «provavelmente subestimados», dadas as limitações dos programas de acompanhamento das agências governamentais nos diferentes países.