Perto de 500 pessoas participaram este sábado, em Lisboa, na «Caminhada pela Vida», iniciativa em «defesa da vida humana, desde a conceção até à morte natural».



Promovida pelo movimento cívico «Um de nós», a «caminhada pela vida» percorreu a Avenida da Liberdade, entre o Marquês de Pombal e o Rossio, trajeto em que os participantes, a grande maioria jovens, cantaram músicas portuguesas.



«Esta caminhada pretende chamar a atenção para o valor e dignidade da vida humana, desde a conceção até à morte», disse à agência Lusa Sofia Guedes, uma das organizadoras da iniciativa.



Sofia Guedes destacou a importância da vida humana, sublinhando que estão contra o aborto, a eutanásia e «tudo o que seja pôr fim à vida sem ser de forma natural».



O movimento cívico «Um de nós» promove também uma recolha de assinaturas com vista a uma petição europeia em defesa da vida, que vai ser entregue no Parlamento Europeu em novembro.



A petição, que está a circular nos 28 países da União Europeia, já recolheu em Portugal 17.500 assinaturas, afirmou Sofia Guedes.



De acordo com a mesma responsável, a petição tem por objetivo que o Parlamento Europeu reconheça a proteção do embrião humano.



A iniciativa tem também o apoio da Conferencia Episcopal Portuguesa, que no domingo vai apelar nas missas para que os católicos assinem a petição.