Há cada vez mais donos que pedem aos veterinários para eutanasiar os seus animais domésticos porque não têm dinheiro para os tratamentos que estes precisam.

Segundo o presidente da Associação Portuguesa de Médicos Veterinários Especialistas em Animais de Companhia, ouvido pela TSF, «cada vez mais pessoas choram no consultório quando sabem que o seu animal está com um problema e dizem que não conseguem pagar».

Jorge Cid admite que os pedidos de abate por razões financeiras «surgem quase diariamente» e garante que alguns casos estão a ser evitados com o recurso ao pagamento a prestações ou à caridade do veterinário.

Também o vice-presidente da Ordem dos Veterinários, Luís Cruz, revelou à TSF que até os donos «que faziam tudo pelos seus animais» estão a utilizar a crise como argumento.