O concelho de Gaia vai acolher um surf park, um investimento privado de dez milhões de euros, foi avançado esta segunda-feira pelo presidente desta autarquia ao considerar que este projeto será o "corolário" de uma "excelente" orla costeira.

Trata-se de um parque aquático a localizar na zona da Madalena e será a SVQ Invest Lda. a promotora do projeto, que Eduardo Vítor Rodrigues disse ser "um exemplo de iniciativa privada que pode beneficiar muito o município".

"O equipamento pode ser o corolário de uma excelente orla costeira. Trará com certeza benefícios a Gaia", disse o autarca, que falava esta tarde numa reunião de câmara, sessão na qual foi aprovado por unanimidade o memorando de entendimento entre a autarquia de Gaia, distrito do Porto, e a SVQ.

No documento lê-se que em causa estão 20 hectares denominados de Parque de Campismo da Madalena, uma zona que a câmara diz querer "dinamizar".

Ao abrigo do Código de Contratos Públicos a câmara de Gaia admite concessionar o espaço à empresa pelo prazo de 15 anos renovável por igual período.

O investimento é de dez milhões de euros e deve ficar concretizado no espaço de dois anos.

Eduardo Vítor Rodrigues avançou que a participação da câmara no projeto se resumirá à área envolvente ao espaço.