A primeira plataforma online luso-chinesa de informação, divulgação turística e promoção de oportunidades de negócios, intitulada Portal Martim Moniz, é apresentada na quinta-feira em Lisboa para atrair a comunidade chinesa a investir em Portugal.

Segundo os responsáveis pelo projeto, a plataforma já se encontra online, apresentando conteúdos bilingues “da cultura ao comércio, da educação ao turismo e dos investimentos à gastronomia”.

O Portal Martim Moniz pretende “servir como ponte de ligação entre as duas nações (Portugal e China) de modo a preservar e fortalecer laços que vêm de há mais de 500 anos”, explicou o diretor executivo da plataforma, Den Chuang, em comunicado.

Para o diretor de marketing do Portal Martim Moniz, João Ferro, o “crescente aumento do turismo e investimento direto chinês em Portugal” foram fatores importantes para a criação da plataforma, tendo como objetivo facilitar a interculturalidade e impulsionar o aumento do interesse da comunidade chinesa em Portugal.

A plataforma online vai ser “um facilitador sociocultural, constituindo uma base credível de informação atualizada acerca da cultura e oferta turística portuguesa, sendo um meio difusor de reais oportunidades no setor do empreendedorismo para investidores chineses”, referiu João Ferro.

A apresentação oficial do Portal Martim Moniz vai ser na quinta-feira, no Espaço Hua TaLi, no Centro Comercial Martim Moniz, onde “são esperadas mais de 200 pessoas de ambas as comunidades”, informaram os responsáveis pelo projeto.