Um incêndio que deflagrou esta sexta-feira na freguesia de Caravelas, concelho de Mirandela, foi dado como "dominado" cerca das 17:30 depois de ter chegado a mobilizar 122 bombeiros, disse à lusa fonte do CDOS de Bragança.

O incêndio foi dado como dominado cerca das 17:30, já que o combate estava a decorrer favoravelmente", frisou o Comandante Distrital de Operações de Socorro de Bragança (CODIS), Noel Afonso.

De acordo com a mesma fonte, o alerta foi recebido pelas autoridades às 13:51, a dar conta de um incêndio, na freguesia de Caravelas, concelho de Mirandela, no distrito de Bragança, que teve uma frente ativa e estava consumir uma área de mato.

No terreno estiveram 122 bombeiros apoiados por 41 viaturas e quatro meios aéreos.

Alerta vermelho

A Proteção Civil estendeu o estado de alerta especial vermelho, o mais grave, relativo aos meios de combate a incêndios florestais, a mais 11 distritos de Portugal continental.

Passam a ser abrangidos por este nível de alerta, do Sistema Integrado de Operações de Proteção e Socorro, os distritos de Lisboa, Setúbal, Évora, Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Coimbra, Leiria, Viseu, Guarda e Bragança.

Estão igualmente sob alerta vermelho, desde quinta-feira, os distritos de Faro e Beja.

Aveiro, Porto, Braga, Viana do Castelo e Vila Real encontram-se em alerta laranja, o segundo mais grave.

O Sistema Integrado de Operações de Proteção e Socorro define a "prontidão e mobilização das estruturas, forças e unidades de proteção e socorro em conformidade com os riscos associados".