Um incêndio está a lavrar "com muita intensidade", esta segunda-feira à tarde, no concelho de Mangualde, tendo atingido três edificações, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu.

"O incêndio já atingiu três habitações, duas das quais devolutas, mas não há informação de vítimas", explicou a mesma fonte, cerca das 18:00.


Fogo atingiu casas no concelho de Mangualde (Imagens cedidas por Centro TV)

O fogo obrigou já ao corte da Linha da Beira Alta, como confirmou à TVI uma fonte do CDOS de Viseu. A linha ferroviária de Beira Alta "foi reaberta cerca das 23:30 (de segunda-feira)”, segundo o comandante da Proteção Civil da distrital de Viseu, Rui Nogueira, à Lusa.

O fogo deflagrou às 14:57, em Abrunhosa-a-Velha, e tem "dois flancos e a cabeça de incêndio ainda ativa", acrescentou.  No combate às chamas estão 298 operacionais, apoiados por 87 veículos.

Um total de 223 operacionais, 73 viaturas e três meios aéreos estão esta segunda-feira à tarde a combater um incêndio numa zona de mato no concelho de Ourique, no distrito de Beja. Fonte do CDOS de Beja confirmou à TVI que o IC1 foi cortado ao trânsito na zona, entre Ourique e São Bartolomeu de Messines. O trânsito foi retomado cerca das 20:45.

O incêndio deflagrou às 16:13, na freguesia de Santana da Serra, e às 21:30 estava com duas frentes ativas e não havia qualquer povoação em risco, precisou a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja.