O incêndio que deflagrou na quarta-feira na Serra do Caramulo, em Viseu, e que provocou a morte de uma bombeira, foi dado como dominado nesta sexta-feira, embora ainda esteja a ser combatido por 217 operacionais.

De acordo com a Proteção Civil, o fogo foi dado como dominado às 08:32, depois de mais de 60 horas de combate, durante o qual uma bombeira morreu e outros nove ficaram feridos, um deles em estado grave.

Às 09:00, estavam ativos outros seis incêndios, que mobilizavam mais de 650 operacionais.

Dominado o fogo na Serra do Caramulo, o segundo maior incêndio situa-se também no distrito de Viseu, mais concretamente em Nogueira de Alcofra, concelho de Vouzela, onde mais de 200 bombeiros estão a combater uma frente de fogo ativo.

Em Vila Real, três incêndios ocupavam, às 09:00, cerca de 215 bombeiros e outros operacionais, para tentar apagar duas frentes de fogo em Soutelinho de Mezio, em Vila Pouca de Aguiar, uma frente em Montes Campeã e outro fogo em Rio Torto, Valpaços.

Além disso, mais de 140 bombeiros estão a lutar contra um fogo na Várzea de Serra, em Viseu, e outros 90 combatem um incêndio na Covilhã, Castelo Branco.