Mais de 330 operacionais combatem hoje dois incêndios numa zona de mato, nos distritos de Castelo Branco e Santarém, apoiados por quase uma centena de viaturas e oito meios aéreos, segundo a Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC).

De acordo com a página da ANPC na Internet às 19:40, no incêndio que lavra desde as 16:40 na freguesia de Janeiro de Cima e Bogas de Baixo, concelho do Fundão, distrito de Castelo Branco, estão empenhados 225 operacionais, 63 viaturas e sete meios aéreos.

Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Castelo Branco, disse, pelas 19:40, que o incêndio, com uma frente ativa, estava a consumir pinhal bravo e mato, acrescentando que o combate estava a correr favoravelmente.

Já no distrito de Santarém, na freguesia do Outeiro da Cortiçada e em Arruda dos Pisões, concelho de Rio Maior, o incêndio que deflagrou perto das 17:00, também numa zona de mato, estava com uma frente ativa.

Fonte do CDOS de Santarém disse à Lusa que o incêndio está a ser combatido por 113 operacionais, 33 viaturas e um meio aéreo, que, pelas 19:45, já não se encontrava a operar.

De acordo com a página da internet, a ANPC registou hoje, até às 18:45, em Portugal continental 59 incêndios, que envolviam 1.273 operacionais, 315 meios terrestres e recurso por 27 vezes a aéreos.