A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta quarta-feira a detenção de um homem de 26 anos suspeito de ter ateado um incêndio florestal em Vouzela, na noite de 12 de agosto.

Em comunicado, a PJ refere que o incêndio teve início «junto da Ponte de Ribamá, concelho de Vouzela, tendo ardido na totalidade cerca de 26 hectares de mato, pinheiros e eucaliptos».

«O detido, que não tem antecedentes criminais, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas», acrescenta.

A detenção foi efetuada pelo Departamento de Investigação Criminal de Aveiro da PJ, em colaboração com a GNR de Vouzela.