A GNR deteve um homem de 56 anos suspeito de atear um incêndio florestal na localidade de Távora, no concelho de Tabuaço, no distrito de Viseu, no passado domingo.

O suspeito foi retido por populares que o viram a sair de um espaço florestal onde teve início um incêndio"

O fogo em causa consumiu um hectare de mato e pinheiros. A GNR apreendeu um isqueiro e uma navalha.

O detido foi constituído arguido e ficou sujeito a termo de identidade e residência.

AO MINUTO: todos os desenvolvimentos sobre os incêndios

No mesmo dia, militares da GNR identificaram um homem de 35 anos suspeito da autoria de um incêndio florestal que deflagrou na localidade de Miomães, no concelho de Resende, no mesmo distrito.

Este incêndio "consumiu mais de um hectare de carvalhos, pinheiros e mato".

A GNR entregou o homem à Policia Judiciária do Porto, que deu continuidade às diligências de inquérito.