O incêndio que lavrava desde a tarde em Pampilhosa da Serra, no distrito de Coimbra, foi dominado ao início da noite desta segunda-feira, pelas 21:00. Os operacionais estão a realizar trabalhos de rescaldo. O fogo afetou cerca de 50 hectares, segundo os bombeiros.

As chamas estão dominadas e, neste momento, estão a decorrer operações de rescaldo. Estamos a trabalhar no terreno, com máquinas de rasto, e os trabalhos vão decorrer durante toda a noite"

O comandante Marco Alegre, dos Bombeiros Voluntários de Pampilhosa da Serra, disse à Lusa que a área ardida será de cerca de 50 hectares, não tendo sido afetadas habitações e nem se registaram feridos.

A estimativa que tenho nesta altura é de cerca de 50 hectares. Depois do rescaldo, vamos entrar na fase de vigilância para evitar reacendimentos"

Ainda estavam no local, pelas 22:50, mais de 300 operacionais, apoiados por 84 viaturas.

O incêndio, que deflagrou pelas 15:00, na localidade de Souto do Brejo, freguesia de Janeiro de Baixo, não causou feridos nem danos em habitações. Chegou a mobilizar 11 meios aéreos, retirados após o anoitecer.

Já ao final da tarde as autoridades acreditavam que o incêndio florestal seria dominado em breve, o que veio a acontecer. O incêndio chegou a ameaçar as povoações de Brejo de Cima e Brejo de Baixo, informou na altura o presidente da Câmara, José Brito.