O suspeito de ter matado, no domingo, a sua mulher na freguesia de Penamaior, concelho de Paços de Ferreira, foi detido esta segunda-feira, disse à agência Lusa fonte oficial da Guarda Nacional Republicana (GNR).

A detenção do homem, de 60 anos, ocorreu pelas 18:30, no concelho da Trofa, depois de um cidadão ter alertado para a “existência de uma pessoa combalida, com hematomas e meio perdida” na via pública.

Quando chegaram ao local, militares dos postos da GNR da Trofa e de Vila do Conde, depois de recolherem diversa informação, verificaram tratar-se do suspeito da morte da mulher.

A vítima, com cerca de 60 anos, morreu na sequência de um incêndio na habitação, tendo sido encontrada com uma meia a tapar-lhe a boca.

Outra fonte da GNR explicou que há cerca de “duas ou três semanas” a mulher tinha apresentado queixa contra o marido por violência doméstica, referindo na ocasião que o alegado homicida a ameaçava matar.

Depois de detido, o homem foi entregue à Polícia Judiciária, órgão responsável pela investigação.