Residentes de 50 habitações do lugar de Vilar de Suente, Soajo, Arcos de Valdevez começaram a ser retirados cerca das 19:27, devido à proximidade do fogo que lavra desde as 04:00, disse à Lusa a proteção civil municipal.

De acordo com o vereador da proteção civil municipal, Olegário Gonçalves "o fogo na zona do Mezio e Soajo está descontrolado e a ameaçar as habitações".

"É, sobretudo, população idosa. Por causa do fogo e do fumo decidimos retirar as pessoas e colocá-las em segurança", afirmou o responsável que referiu " há vários incêndios preocupantes no concelho" e "um bombeiro ferido no fogo da Gavieira", no Parque Nacional da Peneda Gerês (PNPG).

Contactada pela Lusa, fonte dos bombeiros voluntários de Arcos de Valdevez confirmou "a mobilização de uma viatura do INEM para a Gavieira", cerca das 18:52, mas não soube indicar a gravidade dos ferimentos nem a que corporação pertence o operacional envolvido.

A mesma fonte adiantou "o incêndio que lavra na freguesia de Couto está a ameaçar várias habitações".

Esta segunda-feira está a ser marcada por vários incêndios em Portugal continental e também na Região Autónoma da Madeira, no concelho do Funchal.  Mais de 4.500 bombeiros combatem 183 fogos em todo o país.