A guarda costeira italiana anunciou esta segunda-feira ter coordenado em 48 horas o resgate de 4.400 imigrantes ao largo da costa da Líbia.

No domingo, a guarda costeira coordenou o resgate de 21 embarcações em dificuldade e esta segunda-feira foram socorridos 1.500 imigrantes que viajavam em oito barcos.

Participaram nas operações navios italianos, britânicos, irlandeses, suecos e espanhóis, assim como organizações não-governamentais, incluindo os Médicos Sem Fronteiras.