Um homem de 89 anos, que depois de uma saída precária, em novembro de 1997, não regressou ao Estabelecimento Prisional da Covilhã, no distrito de Castelo Branco, foi detido pela PSP em Leiria.

Num comunicado, a PSP de Leiria informa que deteve na tarde de quinta-feira “um homem com 89 anos” contra o qual existia “mandado de detenção e condução emitido pelo Tribunal Judicial de Coimbra”.
 

“O detido encontrava-se em ausência ilegítima desde o dia 03 de novembro de 1997 do Estabelecimento Prisional da Covilhã, após concessão de saída precária”, adianta a PSP, explicando que o arguido foi “entregue ao Estabelecimento Prisional de Leiria para cumprimento do remanescente de pena de 10 anos e 6 meses de prisão efetiva”.


À Lusa, o Comando Distrital de Leiria da PSP informou que o homem foi detido “junto ao hospital de Santo André”, não tendo oferecido resistência.

“Desconhecia-se a sua atual morada”, refere o comando, esclarecendo que o detido foi condenado pelo crime de homicídio.