Uma idosa de 85 anos, que era transportada em "estado crítico" numa ambulância dos bombeiros, morreu após uma colisão com um ciclomotor, na segunda-feira à noite em Évora, disse hoje fonte dos bombeiros.

A fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora adiantou à agência Lusa que o acidente, cujo alerta foi dado às 23:38, ocorreu, na Estrada Nacional (EN) 114, junto à saída de Évora para Montemor-o-Novo.

Contactado pela Lusa, o comandante dos Bombeiros de Évora, Rogério Santos, explicou que a doente não morreu por causa do acidente, uma vez que já estava em "estado crítico" e em "paragem cardiorrespiratória".

A idosa tinha sido transferida do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) para o Hospital de Santa Marta, em Lisboa, devido a problemas cardíacos, acrescentou.

Segundo a fonte do CDOS, o condutor do motociclo, um jovem de 17 anos, sofreu ferimentos leves e foi transportado para as urgências do HESE.

As operações de socorro envolveram 14 bombeiros da corporação de Évora, apoiados por cinco veículos, além de uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER) e a PSP.