«Lá em cima está um caos, um caos autêntico, não há médicos para toda a gente, umas macas para um lado, outras para outro. Está toda a gente a gritar, as pessoas querem passar e não podem. Está um caos», disse Glória Morais à TVI.