Um homem suspeito de ser o autor de vários disparos que provocaram ferimentos em duas pessoas na sexta-feira à noite em Minde, no concelho de Alcanena, ficou preso preventivamente a aguardar julgamento, refere uma nota da Polícia Judiciária.

Em comunicado, a PJ afirma que o Departamento de Investigação Criminal de Leiria identificou e deteve o homem, presumível autor de um triplo crime de homicídio qualificado na forma tentada.

O homem, de 42 anos, é suspeito de ser o autor de vários disparos, ocorridos na noite de sexta-feira, depois de uma discussão com a sua ex-mulher e o atual companheiro desta, que terão sido atingidos mas sem correrem perigo de vida. O suspeito ficou igualmente ferido sem gravidade.

Fonte da GNR disse à Lusa que os militares da guarda tomaram conta da ocorrência, procederam à preservação do local do crime e tomaram as medidas cautelares de proteção dos meios de prova, passando a investigação para a alçada da PJ.