As autoridades venezuelanas estão a investigar o homicídio a tiro de um comerciante luso-descendente de 20 anos, ocorrido em La Tahona, arredores de Caracas, disseram hoje várias fontes policiais à agência Lusa.

Segundo as fontes, Víctor Manuel Vieira Vieira foi assassinado pelas 15:00 de domingo (20:30 em Lisboa) por dois indivíduos armados que tentaram roubar-lhe uma bolsa que tinha à cintura, numa loja de venda de fruta propriedade da família.

O jovem comerciante foi ajudado pelos empregados, que o transportaram até à Clínica Docente de La Trinidad, onde deu entrada já sem vida.

Filho de madeirenses naturais de Câmara de Lobos, Víctor Manuel Vieira Vieira, estudava Mecânica auto-motriz.

Vários comerciantes portugueses de La Tahona, contactados pela agência Lusa, queixaram-se da falta de segurança naquela localidade e de que motociclistas armados têm efetuado vários assaltos, apesar dos esforços das autoridades para combater a criminalidade.