A GNR identificou em Silvares, Guimarães, um homem de 52 anos que se fazia passar por enfermeiro para uma falsa angariação de alimentos e vestuário para o hospital daquela cidade, alegadamente para as vítimas dos incêndios de Oliveira do Hospital.

Em comunicado, a GNR refere que o homem recorria ao fardamento do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para consumar as burlas.

Os bens angariados foram devolvidos aos proprietários e o suspeito foi constituído arguido e ficou sujeito a termo de identidade e residência.