Um bombeiro ficou este sábado ferido durante o combate ao incêndio que lavra em Seia desde sexta-feira, disse à Lusa uma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro do Distrito (CDOS) da Guarda.

O operacional, do corpo de Bombeiros Voluntários da Nazaré, sofreu várias queimaduras e “é considerado ferido leve”, adiantou à agência Lusa a fonte do CDOS.

O alerta para o acidente foi dado às 10:43, acrescentou.

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) recolheu o bombeiro ferido no campo de futebol de Loriga, no concelho de Seia, a fim de o levar para os Hospitais da Universidade de Coimbra.

Às 13:00, o incêndio estava a ser combatido por 380 operacionais, com 129 viaturas, apoiados por quatro aviões e um helicóptero, segundo a mesma fonte do CDOS da Guarda.

Pelas 13:50, 380 elementos, apoiados por 126 veículos e sete meios aéreos, continuavam a combater as chamas em Seia, no distrito da Guarda, de um incêndio que deflagrou na sexta-feira à tarde.

De acordo com o site da Proteção Civil, o incêndio mantinha duas frentes ativas.

Fogo deflagrou às 16:13 de sexta-feira, numa zona de povoamento florestal, em Fontão, Loriga, no concelho de Seia, no distrito da Guarda.