Nesta operação, a GNR apreendeu cortiça furtada avaliada em 1.600 euros, três machados de extração de cortiça e um veículo ligeiro.

O Comando Territorial de Setúbal da GNR informou que as detenções foram efetuadas na terça-feira, naquela localidade alentejana, por militares do Porto Territorial de Grândola.

“As detenções ocorreram no seguimento de uma denúncia do proprietário, que detetou os suspeitos a efetuarem o furto, retirando a cortiça diretamente das árvores”, explicou a Guarda.

Após esta denúncia, militares da GNR deslocaram-se ao local e efetuaram, “de imediato, duas detenções em flagrante delito”.

“No momento da abordagem, um dos suspeitos colocou-se em fuga, tendo sido detido mais tarde”, acrescentou a força de segurança.

Os detidos já foram presentes a tribunal, mas ainda não lhes foram aplicadas medidas de coação, disse à agência Lusa fonte do Destacamento Territorial de Grândola da GNR.