A GNR vai intensificar a fiscalização de veículos pesados de mercadorias e de passageiros, nas estradas com mais tráfego, entre segunda-feira e sábado, uma operação realizada de igual modo em todos os países da Europa.

A operação Veículos Pesados ("Tispol – Truck and Bus Operation") pretende "identificar e prevenir infrações relacionadas com estes veículos" e o transportes de pessoas e de bens, explica um comunicado Guarda Nacional Republicana, hoje divulgado.

Durante os seis dias da operação, militares dos comandos territoriais, da Unidade Nacional de Trânsito, do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) e da Unidade de Ação Fiscal, vão realizar ações de fiscalização, a abranger várias áreas.

Entre as atividades a ser fiscalizadas está o controlo da condução sob efeito do álcool e de estupefacientes e a deteção de infrações de natureza fiscal, aduaneira e ambiental.

O acesso à atividade transportadora, o controlo do peso e dos tacógrafos, nomeadamente tempos de condução, pausas, tempos de repouso, viciação e manipulação, a verificação do acondicionamento e transporte de carga, das condições técnicas dos veículos e do uso do cinto de segurança ou sistemas de retenção de crianças são outras vertentes a ter a atenção dos militares da GNR.

Esta operação, explica o comunicado, será realizada de igual modo em todos os países da Europa e enquadra-se no plano definido pela European Traffic Police Network - organismo que congrega todas as polícias de trânsito da Europa, no qual a GNR é representante nacional -, e pelo Euro Controle Route, um grupo de serviços de controlo das estradas europeias para melhorar a segurança rodoviária.