Atualizada às 19h13

Um agente de execução foi hoje atingido a tiro pelo executado, na sequência de uma ação de penhora, em Cela, no concelho de Alcobaça, disse fonte da GNR à agência Lusa.

A vítima foi retirada do local onde tinha sido atingida e colocada numa zona segura onde se procedeu a manobras de reanimação. No entanto, o agente de execução acabou por falecer.

Fonte da GNR referiu que a operação de penhora decorria «com normalidade», pelas 14:30, estando a ser acompanhada por elementos desta força, quando a pessoa que estava a ser alvo desta ação desferiu um tiro de caçadeira no agente de execução.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Leiria adiantou que no local estão a Viatura Média de Emergência e Reanimação de Caldas da Rainha, Bombeiros Voluntários de Alcobaça, Unidade Móvel de Intervenção Psicológica de Emergência, Polícia de Intervenção Rápida e Companhia de Operações Especiais, num total de 12 viaturas e 52 operacionais.

O CDOS referiu ainda que os filhos da vítima estão no local a receber apoio psicológico.

O autor do disparo ainda não foi intercetado. A GNR suspeita que continue dentro de casa.