A GNR deteve 262 pessoas, a maioria por condução sob efeito do álcool, em operações de combate à criminalidade violenta e de fiscalização rodoviária realizadas durante o fim de semana, indicou esta segunda-feira a corporação.

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana adianta que as 262 detenções ocorreram nos distritos de Aveiro, Braga, Bragança, Évora, Faro, Guarda, Lisboa, Porto e Viana do Castelo.

Em dois dias, a GNR deteve 209 condutores por estarem a conduzir com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,20 gramas por litro e 18 por condução sem habilitação legal, além das cinco pessoas por tráfico de drogas, duas por posse de armas proibidas, três por furto e duas por permanência ilegal no país.

A GNR apreendeu também 12 doses de cocaína, 356 doses de haxixe, seis armas de fogo, seis armas brancas, 82 munições de diversos calibres, dois veículos e 675 euros em numerário.

Durante o fim de semana, os militares da GNR elaboraram ainda 258 autos de notícia e 1982 autos de contraordenação.