A GNR anunciou este sábado a apreensão em Vilar Formoso, no concelho de Almeida, distrito da Guarda, de 2.016 peças de vestuário, alegadamente contrafeito, com o valor presumível de 107.395 euros.

Fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda disse à agência Lusa que a mercadoria foi apreendida durante a realização de uma operação de fiscalização no recinto da feira mensal de Vilar Formoso.

Na mesma operação, a GNR elaborou nove autos de notícia e identificou oito pessoas por crimes contra a propriedade industrial.

A ação de fiscalização realizada este sábado na vila fronteiriça de Vilar Formoso envolveu um total de 60 militares da GNR, tendo o Comando Territorial da Guarda contado com o apoio da Unidade de Intervenção e Destacamento de Intervenção do Comando Territorial da GNR de Castelo Branco.

A mesma fonte disse à agência Lusa que a GNR já apreendeu este ano no distrito da Guarda "à volta de 200 mil euros" de artigos de vestuário e acessórios de moda alegadamente contrafeitos.