Os jovens condutores abordados pela GNR nos locais da campanha 100% Cool, no Algarve, e que não tenham bebido álcool, vão receber prémios, uma recompensa para alertar para os perigos da condução sob efeito de álcool, informou a organização.

As brigadas 100% Cool vão acompanhar ações de fiscalização da GNR durante as noites de agosto, em Albufeira e Vilamoura, atribuindo vales de desconto em combustível e outros brindes aos condutores entre os 18 e os 30 anos que não apresentem álcool no sangue, informou a Associação Nacional de Bebidas Espirituosas (ANEBE).

Em comunicado, o secretário-geral da ANEBE, Mário Moniz Barreto, refere que «faz todo o sentido» fazer a campanha naquelas locais, muito procurados para a diversão noturna, «de modo a passar a mensagem de que é possível aliar a diversão a um comportamento responsável» quando se vai conduzir.

O mesmo responsável explicou que este ano a organização decidiu apostar em novos prémios «por ser uma campanha que tem uma enorme simpatia por parte dos condutores portugueses, e não só por parte dos jovens», o que significa que os condutores designados 100% Cool receberão vales de desconto em combustível, entre outros prémios.

Segundo a organização, esta é a mais antiga campanha de sensibilização rodoviária portuguesa, que há cerca de 12 anos percorre as estradas nacionais para sensibilizar os jovens para um consumo moderado de álcool quando vão conduzir.

A campanha 100% Cool é promovida pela Associação Nacional de Bebidas Espirituosas (ANEBE) desde 2002, contando com o alto patrocínio da Presidência da República e do Ministério da Administração Interna, entre outras entidades.

As brigadas 100% Cool são constituídas por jovens que se deslocam aos locais de diversão noturna para sensibilizar outros jovens para o consumo moderado de álcool, realizando testes de alcoolemia.

Esta campanha de prevenção rodoviária procura evitar o lado repressivo, apostando antes na educação, motivação e responsabilização dos jovens para um consumo moderado de álcool, conclui a organização.