A Guarda Nacional Republicana (GNR) informou hoje que nas últimas 12 horas deteve em flagrante 31 condutores em diversas operações realizadas no país.

As 31 detenções foram feitas pela GNR num conjunto de operações realizadas entre as 20:00 de sexta-feira e as 08:00 de hoje e decorreram no âmbito da prevenção e combate à criminalidade violenta e da fiscalidade rodoviária, refere a Guarda Nacional Republicana em comunicado.

De entre os condutores, 13 foram detidos por condução sob o efeito do álcool, sete por condução sem carta de condução e dois por desobediência.

No conjunto das operações, foram ainda apreendidas 234 doses de haxixe, sendo que a GNR detetou 747 infrações, das quais 127 por excesso de velocidade, 66 relacionadas com tacógrafos e 39 por uso do telemóvel quando conduziam.

Além disso, 28 condutores apresentavam uma taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

A GNR registou 96 acidentes que provocaram três feridos graves e 24 feridos ligeiros.