Um jovem morreu este sábado vítima de eletrocussão numa embarcação de pesca quando participava na tradicional procissão marítima em honra de Nossa Senhora da Piedade no Caniçal, revela em comunicado a Capitania do Porto do Funchal.

O incidente deu-se durante o primeiro dia da procissão marítima que anualmente se realiza nos mares do Caniçal, freguesia do concelho de Machico, na qual participavam 40 embarcações.

O sinistrado, de 22 anos de idade, era tripulante da embarcação de pesca Condor, e segundo o comunicado da Capitania «ficou inconsciente vítima de eletrocussão».

«A embarcação Barracuda resgatou o sinistrado para a Marina da Quinta do Lorde já sem sinais vitais», refere o comunicado, salientando que «durante a retirada foram efetuados os procedimentos de suporte de vida, sem sucesso».

A vítima foi socorrida na marina pelos Bombeiros Municipais de Machico e pela EMIR - Equipa Médica de Intervenção Rápida, a qual «veio a confirmar o óbito no local», conclui o comunicado.