Uma mulher de 48 anos morreu este domingo na sequência de um incêndio que deflagrou na casa em que morava, no terceiro andar de um prédio da rua Fernão Pó, na freguesia de Mafamude, Gaia, disse à Lusa uma fonte dos bombeiros.

De acordo com a mesma fonte da corporação dos Sapadores de Gaia, quando os meios de socorro chegaram ao local, depois do alerta recebido às 00:55, a mulher já estava morta, “presumivelmente por inalação de fumo”.

O incêndio teve origem e “ficou confinado” ao apartamento da vítima, situado no terceiro andar de um prédio de oito pisos, não tendo havido necessidade de evacuar o edifício durante o combate às chamas, que se prolongou até cerca das 02:30, indicou fonte dos Sapadores.

A mesma fonte referiu que a vítima, “já cadáver” quando os Sapadores chegaram ao local, “era solteira e vivia sozinha” e que, de acordo com o relatório dos bombeiros, existiria “bastante lixo na habitação”.