Um incêndio atingiu esta quarta-feira a cozinha de uma pastelaria no centro da Figueira da Foz, que estava aberta na altura do acidente, mas o fogo não provocou feridos, disse fonte dos bombeiros.

De acordo com Nuno Osório, comandante dos Bombeiros Municipais da Figueira da Foz, as chamas ficaram confinadas à cozinha da pastelaria e foram provocadas por uma frigideira industrial elétrica "que terá ficado ligada por esquecimento".

A mesma fonte disse que os bombeiros usaram extintores para extinguir o incêndio e não água "para não causar danos" no estabelecimento comercial.

O alerta foi dado cerca das 12:20 e a primeira intervenção, também com utilização de um extintor, foi feita por elementos da PSP (a secção da Figueira da Foz situa-se em frente à pastelaria, a cerca de 100 metros de distância), alertados para o incêndio por um popular.

No local estiveram 13 operacionais e quatro veículos das corporações de Municipais e Voluntários da Figueira da Foz e cinco agentes da PSP com duas viaturas, que tomaram conta da ocorrência e cortaram o trânsito, momentaneamente, numa das vias da avenida Dr. Joaquim de Carvalho, enquanto decorreram as operações de combate às chamas e ventilação do espaço comercial.