O incêndio que lavrava no distrito do Porto, em Baião, na localidade de Ovil, já está dominado, mas no local permanecem ainda os meios operacionais e veículos para assegurar a consolidação dos trabalhos, disse fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil à Lusa.

O incêndio está dominado, mas no local permanecem 106 operacionais e 29 veículos para trabalhos de consolidação do rescaldo", disse a mesma fonte.

O fogo teve início às 14:13 de sexta-feira e consumia uma zona de mato.

A mesma fonte atualizou também a informação relativa aos dois únicos incêndios de maior dimensão neste momento no país, ambos no distrito de Vila Real.

O incêndio na localidade de Sanfins, no concelho de Chaves, que teve início às 15:15 de sexta-feira, mobiliza agora 125 elementos, apoiados por 31 meios terrestres.

Também no distrito de Vila Real, no concelho de Valpaços, continua em curso um incêndio em mato, que deflagrou já durante a madrugada de hoje, pelas 01:45. No combate às chamas deste fogo estão mobilizados 78 operacionais apoiados por 25 veículos.

A Proteção Civil destaca na sua página da Internet como ocorrências importantes os fogos florestais com mais de três horas e com mais de 15 meios.

De acordo com a Proteção Civil, às 08:25 de hoje estavam ativos 25 incêndios em Portugal Continental, os quais estavam a ser combatidos por 1.282 apoiados por 422 veículos.