Notícia atualizada às 18:28

O incêndio que lavra em Aljezur (Chabouco) há cerca de três horas não está a colocar casas em perigo, mas os bombeiros estão com dificuldades em controlar o fogo devido ao vento forte, disse à Lusa fonte oficial.

De acordo com o segundo comandante operacional distrital de Faro, Abel Gomes, às 18:00 o incêndio continuava com duas frentes ativas, combatidas por 150 homens, apoiados por 48 veículos e cinco meios aéreos.

Aquele responsável disse à Lusa esperar que o incêndio esteja dominado até ao final do dia de hoje e sublinhou que a zona afetada é maioritariamente de mato, com vegetação rasteira, embora o fogo também tenha atingido uma área de eucaliptos.

Quando o incêndio deflagrou, às 14:44, as autoridades tiveram de proteger algumas habitações, mas neste momento não há habitações em risco, garantiu Abel Gomes.

No local estão ainda três máquinas de rasto da Câmara de Aljezur.

A outra ocorrência ainda a merecer destaque no site da Proteção Civil (a meio da tarde) dava conta de que o fogo em Talhadas, Sever do Vouga, voltou a estar dominado.