Uma jovem de 17 anos, alegada condutora da viatura que atropelou nove pessoas no âmbito de umas corridas ilegais em Famalicão, apresentou-se esta segunda-feira às autoridades judiciais para primeiro interrogatório, afirmou fonte da GNR de Braga.

Segundo fonte do Comando Territorial de Braga da GNR, a jovem, sem carta de condução e que assumiu ser a condutora da viatura que atropelou as nove pessoas, na noite de domingo, em Famalicão, distrito de Braga, foi detida esta manhã e depois restituída à liberdade, tendo sido notificada para comparecer hoje no Tribunal Judicial de Famalicão.

De acordo com a GNR de Braga, nove pessoas ficaram feridas ao serem atropeladas na noite de domingo em Famalicão, no decorrer de corridas ilegais.

Na manhã desta segunda-feira, em declarações à Lusa, fonte da GNR de Braga afirmou que os feridos estavam a assistir à concentração quando um dos condutores perdeu o controlo da viatura e avançou para o público que estava no Lago Discount, em Ribeirão, Famalicão.

Os feridos foram transportados ao Hospital de Famalicão.

No local, onde estiveram várias patrulhas da GNR e bombeiros, acrescentou a fonte, a GNR “só registou o atropelamento”.