O suspeito de ter esfaqueado um septuagenário em Cal de Bois, Alijó, foi detido esta segunda-feira pela Polícia Judiciária (PJ) de Vila Real e está a receber tratamento hospitalar devido a ferimentos, disse fonte policial.

Fonte da PJ confirmou à agência Lusa que o homem de 33 anos foi detido ao final da tarde numa aldeia próxima de Cal de Bois, onde a 23 de agosto terá ferido com seis facadas um idoso de 79 anos, que teve de receber tratamento no Hospital de Vila Real.

O suspeito foi detido depois de ter pedido ajuda, através do 112, devido a uns ferimentos que tinha na perna.

Fonte dos bombeiros de Alijó disse à Lusa que os voluntários foram acionados via INEM e que, quando chegaram à aldeia de Ribalonga, os tripulantes reconheceram o indivíduo.

Os bombeiros alertaram as autoridades que foram ao encontro do suspeito, tendo sido já levado para a unidade de Vila Real do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro pelos elementos da PJ.

No dia 23 à tarde, o septuagenário andava a arrancar batatas e terá sido atacado quando se deslocou a um armazém, tendo sido depois encontrado pela sua mulher que deu o alerta.

O idoso foi atingido com quatro facadas nas costas, uma no pescoço e outra num braço.

O agressor, que não possui profissão conhecida, vivia sozinho na aldeia e são muitos os relatos dos vizinhos que se queixam de um longo historial de violência por parte do indivíduo.

Fonte da GNR confirmou a existência de uma queixa contra o suspeito, devido a uma agressão física a um outro idoso daquela aldeia.